Franquia Reino Rural adota serviço de energia solar em seu portfólio

Franqueados passam a vender também o serviço de energia fotovoltaica a públicos como produtores rurais, projeto residencial, industrial e empresarial

No ano passado, o Brasil registrou recorde de novos projetos solares, atingindo 18 GW, enquanto em setembro de 2020 a carteira de projetos renováveis era de apenas 8,7 GW, segundo a ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica).

Hoje o Brasil faz parte do grupo de 15 países líderes em capacidade instalada de energia solar no mundo. E as expectativas, segundo especialistas, são promissoras para os próximos anos. Por ser um país com altos índices de irradiação solar, o aumento na busca de fontes sustentáveis para gerar energia tem despertado o interesse de redes de franquias. Exemplo disso é a Reino Rural Franchising, que até então era voltada a comercialização de produtos para nutrição animal e vegetal e passou a vender recentemente a energia fotovoltaica, a Reino Rural Energy.

Fonte ilimitada, renovável e sustentável de energia limpa, Matheus Ferraz, diretor executivo da Reino Rural, conta que o uso da placa possibilita uma economia de 95% na conta de energia. Além das placas terem garantia de 25 anos e serem um produto sustentável.

“A energia fotovoltaica vem crescendo no mercado e visualizamos a necessidade de também oferecer esse tipo de serviço, incluindo o agronegócio, já que é um dos setores que mais tem utilizado a tecnologia para ajudá-los a cultivar e processar os alimentos de forma sustentável e lucrativa. A comercialização desse novo produto tem aumentado o poder de ganho dos franqueados. A energia solar é livre de poluição, emitindo zero gases de efeito estufa uma vez instalados, é uma das melhores soluções para desacelerar as mudanças climáticas. Além do mais, trata-se de um investimento que vale muito a pena com condições de pagamento da parcela menores que a própria conta de energia atual do cliente”, analisa.

Como funciona a conversão de energia

O sistema fotovoltaico é baseado na utilização de painéis fotossensíveis que são capazes de transformar a energia dos raios do sol em corrente elétrica (corrente contínua). A potência gerada é enviada para o inversor que é o equipamento responsável pela conversão da energia para os padrões da rede da concessionária (corrente alternada). Posteriormente, a energia é injetada na rede elétrica da residência e já poderá ser utilizada pelo consumidor.

Investimento que vale a pena!

Segundo levantamento feito pela ANEEL e Absolar (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica), entre os estados que mais geraram energia solar no Brasil, no primeiro trimestre de 2021 está: Minas Gerais (1 GWp); São Paulo (742MWp); Rio Grande do Sul (728 MWp); Mato Grosso (444 MWp), e Paraná (341 MWp).

Matheus enfatiza que o papel do franqueado é fazer a apresentação do produto, prospecção do tipo de produto e quantas placas serão necessárias para atender a demanda do cliente e posteriormente, via sistema, quais as condições de pagamento. Com o orçamento em mãos, o cliente pode buscar junto ao seu banco a liberação do crédito, ou também a franqueadora oferece a opção da BV financeira, com possibilidade de financiar a aquisição das placas em até 84 vezes.

“É uma economia na fatura de energia a longo prazo. Os sistemas solares são capazes de complementar ou suprir totalmente as necessidades de energia das casas e empresas. Nossos sistemas solares (na rede) podem reduzir a conta de energia, aumentar a propriedade e valor comercial, gerar receita e principalmente reduzir sua emissão de carbono”, informa Ferraz.

Público-alvo

A Reino Rural Energy tem como público-alvo:

  • Projetos residenciais: A energia solar residencial já é uma realidade para usuários que desejam produzir energia limpa e renovável por meio de painéis solares, sendo capaz de suprir todo o consumo de eletricidade do imóvel e podendo gerar uma economia de até 95% na conta de luz;
  • Projeto Industrial: Devido ao alto consumo de energia em indústrias e fábricas, a energia solar industrial vem ganhando cada vez mais destaque nas empresas do ramo a fim de diminuir os custos com contas de energia e reduzir os impactos ambientais. Isso significa que, ao custear elevados valores das contas de luz, o consumo pode impactar no funcionamento e manutenção das fábricas;
  • Projetos rurais: Os gastos com energia solar para zona rural são baixíssimos. Portanto, é possível optar por um kit de energia solar rural para reduzir os custos da geração de energia elétrica no imóvel e aumentar os lucros através do agronegócio;
  • Projetos empresariais: Uma das maneiras mais populares de se aumentar lucros é reduzir custos de operação. E, nesse sentido, a conta de luz pode ser um dos pontos de economia para uma empresa. Utilizando-se da energia solar, empresas podem não só cortar custos operacionais, mas também garantir um funcionamento mais sustentável.

“Existem créditos e incentivos fiscais que podem compensar o custo inicial, para que o cliente possa se beneficiar de economias de longo prazo. Nossos franqueados são treinados a encontrar a melhor solução solar para o perfil que o cliente busca. Estamos muitos confiantes com essa nova aposta na rede e buscamos comercializar ainda este ano mais de 10.000 placas fotovoltaicas”, conclui o diretor executivo da Reino Rural.

Sobre a Reino Rural Franchising

A Reino Rural chegou ao mercado em 2014 por meio do empresário Matheus Ferraz oferecendo uma linha de produtos agropecuários (suplemento nutricional animal e fertilizantes) de alta qualidade visando o aumento da eficiência e da lucratividade do produtor rural. Recentemente incorporou em seu portfólio a comercialização de painéis fotovoltaicos. Em 2021 a marca se lançou no mercado de franquias para capilarizar a expansão em todo o Brasil. Com modelo de negócio home office, tem investimento a partir de R$ 45.990 com retorno previsto de 4 a 6 meses. www.reinoruralfranchising.com.br

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

16 + dezoito =